Declaração Comunitária de Consenso sobre o uso da TAR como prevenção

Caros amigos e colegas que vivem com VIH, ativistas na área da prevenção e tratamentos, e todos os que trabalham na área do VIH e saúde sexual:

Nesta página, convidamos todas as pessoas a comentar e a contribuir para a proposta de declaração comunitária de consenso sobre o uso de terapêutica antirretroviral na redução da transmissão da infeção pelo VIH (tratamento como prevenção) na Europa.

Esta declaração é coordenada em conjunto pela NAM e pelo European AIDS Treatment Group (EATG). Esperamos que esta consultadoria resulte numa declaração com forte apoio da comunidade.

Nos últimos dois anos, os estudos têm relevado que disponibilizar terapêutica antirretroviral (TAR) às pessoas que vivem com VIH, não só salva vidas, como reduz drasticamente o risco de transmissão da infeção. No caso das relações sexuais vaginais, a TAR reduz pelo menos em vinte vezes o risco de transmissão e existe a probabilidade de o eliminar completamente. Tal foi saudado como um passo para travar a epidemia do VIH. 

Desde então, foram colocadas muitas questões políticas e económicas sobre como implementar eficazmente o tratamento como prevenção. Existem ainda lacunas no conhecimento científico que necessitam de ser exploradas para que se possa aproveitar em pleno o seu potencial.  

Esta nova declaração comunitária de consenso tenta juntar áreas de discussão e de controvérsia, enquadrando-as num conjunto de objetivos da comunidade. 

A declaração comunitária de consenso não pode ser desenvolvida sem o forte envolvimento da comunidade, a quem se dirige. Por favor, use esta página para comentar. Faça o download da declaração e utilize a caixa abaixo para comentários.

Divulgue, por favor, pelos seus contactos para que estes possam, também, participar.

Com os melhores cumprimentos,

Gus Cairns, NAM, & Brian West, EATG

Em nome do EATG, NAM e da equipa de redação da declaração.

Tradução: GAT – Grupo Português de Activista sobre Tratamentos VIH/SIDA

Por favor, tenha em atenção que esta reunião é restrita a um grupo de 50 pessoas e a participação de todas as pessoas que demonstrarem interesse poderá não ser possível.

Declaração tratamento como prevenção

Download da declaração (PDF) >